Publicado por: lobusdaestepe | novembro 10, 2012

Jet lag = cansaço após viagem internacional

 

O Jet lag é um sintoma  já bem conhecido, que atormenta os primeiros dias dos viajantes num destino longínquo após um voo intercontinental( e na volta também).

O tempo está maravilhoso, a reunião que motivou a sua viagem ou as suas férias estão prestes a começar; no entanto você sente-se completamente exausto.

Há quem sinta enjoos, irritação, dificuldades de concentração, cansaço, insônia, entre tantos outros sintomas que o jet lag pode causar e que varia de pessoa para pessoa e de viagem para viagem.

Isto porque enquanto no seu destino o sol se mantém no horizonte, o seu corpo “pensa” como se estivesse em casa, onde se está agora no meio da noite ou ainda no início da manhã.

O ser humano vive segundo um ciclo de 24 horas.

Uma mudança súbita para um outro lugar, numa zona horária diferente perturba o ritmo diário do corpo humano.

Não só o ciclo normal entre estar dormindo ou acordado é interrompido, como também o  outras funções corporais .

 

Cansaço e a menor rapidez dos reflexos aliado às dificuldades de memoria e concentração são os sintomas mais frequentes. O indivíduo poderá também sentir-se exausto, com dores de cabeça e uma sensação de náusea, sintomas que resultam da interrupção abrupta do seu tempo normal de descanso.

Os sintomas do jet lag são mais fortes após a realização de um voo com destino ao Oriente que ao Ocidente.

A razão para esta diferença reside no fato de o “relógio interno” do corpo humano tender a adaptar-se melhor a ritmos de duração superior a 24 horas.

Assim, ao voar de Este para Oeste, como por exemplo da Alemanha para o Brasil, o seu dia torna-se mais longo – o que se adapta melhor ao ritmo biológico.

O corpo humano adapta-se à nova zona horária cerca de 20% mais rapidamente que após um voo de Oeste para Este (como por exemplo do Brasil para a China), uma vez que viajar para o Oriente significa a “perda” de várias horas.

O que fazer para diminuir os efeitos do jet lag

Durante o voo

  • Ajuste o seu relógio para a hora no seu local de destino logo após a entrada a bordo do avião.

Isto  vai ajudar mentalmente para o novo ritmo horário que o espera.

Voos para Oriente

Antes da sua viagem

  • Tente adaptar-se ao novo ciclo horário alguns dias antes da partida. Isto implica deitar-se cedo e acordar igualmente cedo.
  • Agende as atividades importantes para o período em que se  sentir mais desperto,voo para o Oriente- será ao fim da tarde.
  •  Tente dormir durante o voo.
  • Coma  alimentos que  irão estimular a sua natural necessidade de dormir,.tais como fruta, batatas, massa, arroz, iogurte, sucos de fruta.
  • Chá de frutas é também um bom auxiliar para dormir
  • Evite a ingestão de bebidas alcoólicas como meio para atingir a “sensação de moleza”, devido a altura desidrata o corpo e produz um efeito retardante no processo de adaptação do organismo ao fuso horário.
  • Evite a sensação de cansaço e desorientação provocada pelas mudanças rápidas de fusos horários com balinhas de hortelã. É sério. Um estudo da Smell & Taste Treatment and Research Foundation, de Chicago, comprovou que chupar balas de hortelã durante o vôo evita o jet lag, devido a uma relação entre o perfume de hortelã e a região do cérebro que nos mantém acordados.

Após a chegada

  • Tente entrar no ritmo diário do seu local de destino. Isto significa que deverá fazer as suas refeições à hora local e não ir para a cama antes do pôr do sol.
  • Tente dormir o suficiente durante a sua primeira noite após a chegada.
  • Evite, se possível, a realização de atividades cansativas ou estresssantes, nos primeiros dois dias após a chegada, e permita ao seu corpo a adaptação ao novo ritmo diário.
  • Evite a a ingestão de comprimidos para dormir e melatonina, já que estes irão confundir o seu organismo ainda mais.
  • Passe tanto tempo quanto o possível em espaços abertos – a luz natural irá contribuir para uma adaptação mais rápida do seu organismo ao novo meio.
  • Em viagens de curta duração, tente manter tanto quanto possível o ritmo diário normal do seu local de origem – isto irá contribuir para evitar o “duplo jet lag”.
  • Se possível, permaneça em casa nos primeiros um ou dois dias após o regresso. Isto ajudará o seu organismo a habituar-se de novo ao ritmo normal do seu local de origem.

 

Voos para Ocidente

Antes da sua viagem

  • Alguns dias antes do início da viagem, tente adaptar-se parcialmente ao ciclo horário do seu destino. Poderá faze-lo deitando-se uma ou duas horas após a hora normal.
  • Planeie se possível a sua chegada para perto do meio-dia, de modo a poder ainda fazer uso da luz mais intensa do dia para iniciar a sua adaptação.
  • Faça o agendamento das reuniões ou compromissos no seu país de destino para a altura do dia em que se irá sentir mais desperto. Após um voo com direcção a Ocidente, esta altura será durante a manhã.

Durante o voo

  • Tente permanecer acordado durante o voo.
  • Movimente-se e beba bastantes bebidas não-alcoólicas de modo a combater a necessidade natural de dormir.
  • Ingira alimentos ricos em proteínas (queijo, peixe, carne, ovos, lacticínios) – isto irá ajuda-lo a permanecer acordado durante mais tempo.

Após a chegada

  • Mesmo  cansado, não se deite, vá caminhar . Deite-se apenas após o pôr do sol.
  • Fique sob a luz natural tanto tempo quanto possível.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: